Fone(99) 3525-1636

ZAP(99) 99168-5235

Socioeducando da Funac conquista título no Campeonato Maranhense de Futsal


Adolescente competiu pelo Instituto Iziane Castro (Foto: Afonso Barros)

Muitas emoções marcaram as fases do Campeonato Maranhense de Futsal e a vida do socioeducando da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac), que teve a oportunidade de jogar pela primeira vez em um campeonato e competir pelo Instituto Iziane Castro, que abraçou o esporte na socioeducação.

“Agradeço a gestão da Funac pelo apoio, a toda a equipe do Instituto Iziane Castro, por ter me acolhido e acreditado em mim, e ao técnico de esporte Thaylan Sousa, que me acompanha nas atividades do Centro Socioeducativo e por buscar a parceria com a equipe de esporte da Funac, para eu poder participar do Campeonato e continuar acreditando no meu sonho, que é ser um jogador profissional”, declara emocionado.

Neste domingo (4), o time enfrentou o Clube Atlético Desportivo – Juventude do Coroado e levou a vitória de 4×2. O técnico do Instituto Iziane Castro, Denilson Almeida, avalia o campeonato de forma positiva e que cada disputa foi uma vitória para o time. “Trabalhamos muito para que chegássemos a final do campeonato. Os meninos colocaram em prática o que treinamos há mais de seis meses em quadra, e isso fez com que crescêssemos na competição e ganhássemos o campeonato”, afirma.

Para o técnico Thaylan Sousa, a vitória veio muito antes do resultado do Campeonato e a inserção do socioeducando da Funac na competição representa um marco na história do esporte maranhense,.

“A primeira vitória foi o Instituto Iziane acolher o adolescente nos treinos e aprovar a participação do adolescente no campeonato, a segunda foi ver o socioeducando conquistando o título maranhense junto com outros adolescentes. Quem pratica esporte sabe o quanto isso é importante na vida de um atleta. Toda a nossa equipe fica muito feliz pela disciplina e compromisso do adolescente; esperamos que esse título possa servir de inspiração para outros que estão em cumprimentos de medidas socioeducativas. Que mais projetos também abracem o esporte na socioeducação e abram as portas para os socioeducandos da Funac”, ressalta.

Para a presidente da Funac, Sorimar Sabóia a equipe da socioeducação só tem a comemorar. “Meu sentimento é de agradecimento ao Instituto Iziane Castro por ter dado a oportunidade para o adolescente, pois nem toda as pessoas acreditam neles  e quando a gente encontra o parceiro que tem essa sensibilidade, que veio da base e sabe o quanto é importante dar oportunidade para aqueles que precisam. Com essa iniciativa, que o adolescente consiga seguir uma carreira no futebol que tanto ele sonha, assim como outros adolescentes que cumprem medidas socioeducativas. Nós sonhamos com eles também, pois acreditamos no poder transformador do esporte”, enfatiza a presidente.

Iziane Castro, ex-atleta e representante da comissão de atletas do Comitê Olímpico do Brasil (COB), que coordena o Instituto, fala da importância de ter abraçado o esporte na socioeducação. “Eu realmente acredito no esporte enquanto ferramenta educacional e transformadora de vida. A gente vê que os maiores expoentes do esporte nacional são crianças oriundas de problemas sociais, de comunidades carentes fruto das desigualdades sociais, além de crianças que passaram por complicações no seu desenvolvimento humano. Acreditamos que o esporte tem esse poder de dar uma nova chance, de transformar e de construir cidadãos que vão contribuir para uma sociedade melhor”, comenta.

De acordo com a diretora do Centro Socioeducativo, Flávia Andrade, a participação do adolescente da Funac no Campeonato  é relevante para todos que integram a equipe da socioeducação. “É gratificante poder acompanhar, acreditar e potencializar na socioeducação essa participação dos adolescentes que precisam desse espaço para mostrar o seu talento e que as pessoas voltem a acreditar na reconstrução da vida de cada um deles”, pontua.

Uma torcida animada e que acredita na mudança por meio do esporte, a equipe da socioeducação marcou presença e vibrou em cada partida. A diretora técnica da Funac, Lúcia Diniz, uma das grandes incentivadoras do esporte na socioeducação acredita que a prática esportiva possibilita conquistar novos horizontes. “Eu avalio de forma positiva todas as atividades do esporte, e dar ao adolescente a oportunidade de participar de um campeonato é um potencializador de sonhos; é dizer que ele pode avançar na educação, no esporte, nos sonhos e vislumbrar um novo projeto de vida”, diz.

A Funac tem desenvolvido ações na área esportiva por meio do Projeto Funac em Movimento e buscado parceiros na socioeducação para que os adolescentes possam potencializar seus talentos, ressignificar seu projeto de vida e trabalhar valores importantes como respeito, disciplina e solidariedade, por meio do esporte.

®SISTEMA NATIVA DE COMUNICAÇÃO

© 2009-2020 RÁDIO NATIVA FM 99,5 - Todos Direitos Reservados. IMPERATRIZ-MA

((designer by AEHER))