Fone(99) 3525-1636

ZAP(99) 99168-5235

Presidente Jair Bolsonaro entregará títulos de terras nesta sexta-feira em Açailândia

A visita que o presidente Jair Bolsonaro faria a Marabá (PA) dia 28 de maio, para a entrega de 1.400 títulos definitivos de terras para pequenos e médios produtores rurais do sudeste do Pará, foi remarcada para 10 de junho. A alteração na data da visita foi comunicada pela assessoria da presidência da República ao superintendente regional do Incra em Marabá, Aveilton Silva
Os detalhes da visita do presidente Bolsonaro ao Pará estão sendo acertados pelo cerimonial da presidência da República, governo do Pará, prefeitura de Marabá e o Incra. Em breve, uma equipe do chamado Escalão Avançado (Escave) fará uma visita a Marabá para conferir todos os detalhes de segurança e na área de saúde, em caso de emergência, como é feito em todas as viagens presidenciais.

Nesta sexta-feira, 21 de maio, o presidente Bolsonaro estará em Açailândia, no Maranhão. Após cumprir agenda na divisão do Maranhão com o Piauí, o presidente passou por Palmas, cumprimentou seguidores, e desembarcou em Imperatriz no final do dia, onde pernoita no 50BIS e nesta sexta-feira segue de helicóptero para Açailândia.

De acordo com a assessoria de imprensa do Palácio do Planalto, “o governo Federal fará entrega de títulos, nesta sexta-feira (21), a beneficiários da reforma agrária no estado do Maranhão. A cerimônia ocorrerá às 9h20 (horário de Brasília), na BR 222, km 5, Parque das Nações, Parque de Exposições José Egídio Quintal Filho, em Açailândia, com a presença do presidente Jair Bolsonaro, da ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, e do presidente do Incra, Geraldo Melo Filho”, ministros e outras autoridades, incluindo o senador Roberto Rocha (PSDB-MA).

De acordo com apuração feita pelo Conexão Rural, o presidente da República recebeu em uma solenidade rápida, no aeroporto de Imperatriz, ao desembarcar de Palmas, o Título de Cidadão Honorário da Cidade, aprovado na quinta-feira, dia 19 de maio, pela Câmara Municipal, em uma iniciativa do vereador Ricardo Seidel (PSD).

 

“O presidente Jair Bolsonaro merece este título de cidadão imperatrizense pela parceria em investimentos feitos na cidade através de obras como a retomada dos serviços da duplicação da BR-010, novo Panelódromo e Shopping da Cidade na Praça Tiradentes, a Central de Abastecimento e Alimentos (CEASA), bem como a disponibilização de vários quilômetros de asfalto por diversos bairros da cidade”, justificou o vereador Ricardo Seidel em sua propositura, acrescentando que o “título é um gesto de reconhecimento pelo o que o presidente da República tem feito por Imperatriz no últimos dois anos”, de acordo com informação da assessoria de imprensa da Câmara de Vereadores de Imperatriz.

 

Matopiba
O presidente Jair Bolsonaro inaugurou nesta quinta-feira (20) a Ponte Estaiada que, ao ligar os municípios de Santa Filomena, no Piauí, e Alto Parnaíba, no Maranhão, potencializará a integração da região conhecida como Matopiba, formada por Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, aproximando-a da Ferrovia Norte-Sul. O investimento chegou a R$ 30 milhões. A ponte fica sobre o rio Parnaíba.

Durante o seu discurso, Bolsonaro lembrou que muitas obras inauguradas durante seu governo foram iniciadas em governos anteriores que acabaram por abandoná-las. A ponte inaugurada nesta quinta-feira, no entanto, foi iniciada em 2019 e terminada durante o atual governo, conforme lembrou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas.

O presidente da República garantiu que “não faltarão recursos para a transposição do rio São Francisco, que não é obra nossa, mas estava há mais de dez anos parada”. Sobre a ponte inaugurada hoje, ele disse que não se justifica a existência de “povo pobre em terra rica”. “Vamos aos poucos porque a velocidade não pode ser muito grande mudando o Brasil”, acrescentou.

Ponte
Com 185 metros de extensão, a ponte Estaiada encurtará a distância entre produtores regionais e a Ferrovia Norte-Sul. Ao discursar, o ministro da Infraestrutura destacou o potencial da região do Matopiba que, segundo ele, terá condições de se tornar “um celeiro para o mundo”. “[Essa região] precisava de um olhar diferenciado. A riqueza e o futuro estão aqui, e o desenvolvimento virá para cá”, disse o ministro. Ele lembrou que, com a ponte e a pavimentação de 270 quilômetros planejados para a BR-235, “a gente vai ligar essa região à Ferrovia Norte-Sul, economizando quilômetros para chegarmos ao Porto de Itaqui”.

“A logística ficará mais barata e com isso o produtor vai investir mais. Essa região vai se desenvolver muito”, acrescentou ao lembrar que, para a população local, a ponte representará uma economia dos gastos que se tinha para fazer a travessia por meio de balsa.

“Hoje mesmo vamos autorizar outra ponte, que é a ligação de Ribeiro Gonçalves (PI) com Tasso Fragoso (MA), porque a BR-330 também é importante para o agronegócio. Está autorizado o procedimento licitatório. Vamos contratar e entregar a próxima ponte”, anunciou o ministro, segundo informou a Agência Brasil.

 

Por Lima Rodrigues

®SISTEMA NATIVA DE COMUNICAÇÃO

© 2009-2020 RÁDIO NATIVA FM 99,5 - Todos Direitos Reservados. IMPERATRIZ-MA

((designer by AEHER))