Fone(99) 3525-1636

ZAP(99) 99168-5235

Avicultores querem apoio do Senar para aumentar lucratividade do setor

Visualização da imagem

Os avicultores da região do Bico do Papagaio querem diversificar suas atividades no campo, como forma de elevar a rentabilidade dos negócios e criar alternativas que reduzam a dependência da comercialização dos animais. Atualmente, nos nove municípios produtores de aves, onde a capacidade de alojamento de frangos é próxima de 6 milhões de unidades, existem 66 galpões em franca atividade. Mas apesar do crescimento expressivo nos últimos anos, os produtores rurais sentem a necessidade de uma assistência qualificada para avançar e lucrar.

Como esse objetivo, a Associação dos Avicultores do Norte do Tocantins – AVINTO promoveu uma reunião na cidade de Santa Terezinha do Tocantins. O município é o segundo maior produtor de frangos na região. Estiveram presentes avicultores e prefeitos municipais da região. O Senar foi representado pelo superintendente adjunto, Frederico Sodré e a coordenadora da regional do Senar em Araguatins, Júlia Fernandes.

Para o presidente da AVINTO, Paulo Roberto Dias de Campos, o Senar é um importante parceiro para os avicultores no momento atual. “Precisamos de apoio técnico e conhecimento para produzir mais e conduzir melhor os negócios”, afirmou. Segundo o avicultor Kleibson Belarmino de Souza, os produtores querem propriedades sustentáveis, onde “além da produção de frangos, a gente possa diversificar nossa atividade usando, por exemplo, a cama de frango como adubo orgânico pra produção de outras culturas”, destacou.

Frederico Sodré explicou as oportunidades que o Senar pode oferecer aos avicultores e destacou que a assistência técnica e gerencial tem todas as condições para proporcionar aos produtores o conhecimento que o setor busca. Ele acredita que para ampliar os negócios e ser mais eficiente no campo, o produtor rural precisa estar mais preparado para a gestão da propriedade e deve se preocupar também com a qualificação da mão de obra que usa em suas atividades. “Em todos esses aspectos o Senar está pronto para oferecer o apoio que o produtor precisa”, disse o superintendente adjunto.

Participaram da reunião, avicultores e prefeitos de Angico, Aguiarnópolis, Cachoeirinha, Darcinópolis, Luzinópolis, Nazaré, Palmeiras, Santa Terezinha do Tocantins e Tocantinópolis. A produção de frangos da região é toda destinada a um frigorífico de aves na cidade de Aguiarnópolis, que comercializa seus produtos tanto no Brasil como no exterior.

Saiba mais sobre a cadeia produtiva da avicultura no Tocantins e outros assuntos no site: www.senar-to.com.br ou em nossas redes sociais.

Rogério Silva

DCom. Sistema Faet/Senar

Palmas, 18 de maio de 2021

®SISTEMA NATIVA DE COMUNICAÇÃO

© 2009-2020 RÁDIO NATIVA FM 99,5 - Todos Direitos Reservados. IMPERATRIZ-MA

((designer by AEHER))