Fone(99) 3525-1636

ZAP(99) 99168-5235

Maranhão recebe novo lote com mais de 11 mil doses de vacina contra a Covid-19

Imunizantes serão destinados a um novo público alvo, são eles: pessoas com comorbidades, gestantes e puérperas e pessoas com deficiência permanente

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) recebeu, nesse sábado (1º), mais uma remessa de vacinas contra a Covid-19. São 11.400 doses da CoronaVac que fazem parte da 16ª Pauta de Distribuição e totalizam 1.723.590 doses de vacinas entregues ao Estado.

Desta vez, os imunizantes serão destinados a um novo público alvo, são eles: pessoas com comorbidades, gestantes e puérperas e pessoas com deficiência permanente. Nesta remessa também estão inseridas doses para continuidade da imunização de pessoas de 60 a 64 anos e do grupo de forças de segurança, salvamento e forças armadas.

A Superintendente de Epidemiologia e Controle de Doenças da SES, Tayara Pereira, explica que para a totalização das doses descritas na Nota Técnica do Ministério da Saúde, o Maranhão ainda aguarda a chegada de 173.250 doses da vacina AstraZeneca, que deve ser enviada pelo Ministério da Saúde no decorrer da próxima semana.

“A distribuição das doses só será realizada quando o Maranhão receber a pauta em sua totalidade, ou seja, quando as doses de CoronaVac e AstraZeneca que constam na 16ª Pauta de Distribuição estejam em solo maranhense”, esclarece.

Vacinação

Até este sábado (1º), os municípios maranhenses contabilizaram 1.270.222 doses aplicadas. Dentre as cidades com cobertura de vacinação abaixo de 60% estão Itaipava do Grajaú, Buriti Bravo, Matões do Norte e Boa Vista do Gurupi.

Coronavírus no Maranhão

De acordo com o último boletim epidemiológico da SES, divulgado na noite deste sábado (1º), o Maranhão tem 7.311 mortes e 267.548 casos confirmados da Covid-19.

Segundo a SES, foram contabilizados 35 óbitos e 638 pessoas infectadas pelo coronavírus nas últimas 24 horas no Estado, sendo 69 na Grande Ilha de São Luís, 27 em Imperatriz e 542 nos demais municípios.

A taxa de letalidade da doença no Maranhão, por sua vez, registrou alta e está em 2,73%.

®SISTEMA NATIVA DE COMUNICAÇÃO

© 2009-2020 RÁDIO NATIVA FM 99,5 - Todos Direitos Reservados. IMPERATRIZ-MA

((designer by AEHER))