Fone(99) 3525-1636

ZAP(99) 99168-5235

Carlos Lula visita a Região e acompanha assistência a pacientes com a Covid-19

Em visita à Região Tocantina, na terça-feira (16), o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, acompanhou o funcionamento da rede de assistência montada para atender os pacientes com Covid-19 na região. Além de visitar os 58 novos leitos estaduais para tratamento da doença na cidade de Açailândia, instalados em parceria com a administração municipal, o gestor também vistoriou o funcionamento do Hospital Referência Covid-19, em Imperatriz, entregue, na última semana, pelo Governo do Estado em parceria com a empresa Suzano.

“A abertura desta unidade permitiu ampliação do atendimento e, consequentemente, redução da lotação nas outras unidades que atendem a Região Tocantina. Dessa forma, o Governo do Estado continua garantindo o cuidado à população. Estamos enfrentando um novo cenário da pandemia, e todo esforço para salvar vidas é bem-vindo”, pediu o secretário Carlos Lula.

O Hospital Referência Covid-19 conta com 60 leitos de internação, sendo 50 de enfermaria e 10 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), além de 20 leitos de observação. Para a gestora da Regional de Saúde de Imperatriz, Kelly Rocha, a unidade é um sinônimo de esperança no enfrentamento da pandemia. “A política do governo Flávio Dino e a ampliação gradativa dos leitos têm dado respostas necessárias para o combate à Covid-19 na Região Tocantina”, afirma a gestora.

De acordo com diretor clínico do Hospital Referência Covid-19 em Imperatriz, André Leôncio de Almeida Santos, apesar de entregue recentemente, a taxa de ocupação da unidade já está alta.

“Por isso, reforçamos que a população nos ajude tomando os cuidados necessários, pois a situação infelizmente não está fácil. Estamos aqui, dia e noite, trabalhando, de domingo a domingo, para que vidas sejam salvas e o Governo do Estado está fazendo o seu melhor, tomando as medidas necessárias para dar todo o suporte para a saúde de Imperatriz e da Região Tocantina, mas, acima de tudo, precisamos da colaboração de toda a população”, destaca o diretor André Leôncio.

Atendimento

Os pacientes da Regional de Saúde de Imperatriz, composta por 16 municípios, têm como porta de entrada na gestão estadual a UPA Bernardo Sayão, que atende, exclusivamente, aos casos da doença. A partir da avaliação clínica dos pacientes, os casos leves e moderados do novo coronavírus, são encaminhados para o Hospital Referência Covid-19.

Os casos avaliados como graves podem ser transferidos para o Hospital Macrorregional de Imperatriz ou para o Hospital Materno Infantil, ambos de gestão estadual.

O Hospital Materno Infantil de Imperatriz, ampliou o número de leitos exclusivos para tratamento da Covid-19 por conta do aumento do número de casos da doença. A unidade isolou uma área exclusiva para receber casos da Covid-19, e contabiliza 30 leitos de enfermaria para tratamento de casos graves do novo coronavírus, além de 20 leitos de Unidades de Terapia Intensiva.

Já o Hospital Macrorregional Dra. Ruth Noleto possui atualmente 114 leitos de enfermaria para tratamento da Covid, 42 leitos de UTI também destinados ao tratamento da doença.

Além da estrutura na cidade de Imperatriz, o município de Açailândia também conta com leitos para tratamento da Covid-19, são 48 leitos clínicos e 10 leitos de UTI para tratamento da doença.

®SISTEMA NATIVA DE COMUNICAÇÃO

© 2009-2020 RÁDIO NATIVA FM 99,5 - Todos Direitos Reservados. IMPERATRIZ-MA

((designer by AEHER))