Fone(99) 3525-1636

ZAP(99) 99168-5235

Policial civil é preso suspeito de importunação sexual, prevaricação e peculato

Segundo a vítima, o policial teria se apropriado do seu celular e tocado em seu corpo.

Um policial civil foi preso, na manhã de ontem (17), suspeito de cometer os crimes de importunação sexual, prevaricação* e peculato** em São Luís.
O policial civil é lotado em uma delegacia da capital.

De acordo com informações da delegada Carolina Cardoso, o policial foi preso de forma preventiva por uma equipe da Divisão de Crimes Funcionais (DECRIF) da Superintendência Estadual de Prevenção de Combate à Corrupção (Seccor).

Segundo a delegada Carolina Cardoso, o policial está sendo investigado por ter se apropriado de um celular de uma jovem de 21 anos.

A vítima relatou que no dia 6 de janeiro o policial teria retirado ela da delegacia e tocado em seu corpo. A delegada informou que terá dez dias para o concluir o inquérito. O policial está preso na Delegacia da Cidade Operária (Decop).

*Prevaricação é um crime funcional, praticado por funcionário público contra a Administração Pública. A prevaricação consiste em retardar, deixar de praticar ou praticar indevidamente ato de ofício, ou praticá-lo contra disposição expressa de lei, para satisfazer interesse ou sentimento pessoal.

**Peculato é um crime que consiste na subtração ou desvio, mediante abuso de confiança, de dinheiro público ou de coisa móvel apreciável, para proveito próprio ou alheio, por funcionário público que os administra ou guarda. É um dos tipos penais próprios de funcionários públicos contra a administração em geral.

Fonte: Jornal “O Estado do Maranhão”

®SISTEMA NATIVA DE COMUNICAÇÃO

© 2009-2020 RÁDIO NATIVA FM 99,5 - Todos Direitos Reservados. IMPERATRIZ-MA

((designer by AEHER))